Domingo, 12 de Fevereiro de 2006

E esta heim...

Alentejanos espanhóis?!!!
 

Maternidade alentejana pode fechar as portas, bebés de Elvas poderão vir a nascer em Badajoz

06.02.2006 - 15h38 Lusa, PUBLICO.PT

As mulheres da região de Elvas poderão passar a ter os seus filhos na maternidade de Badajoz, segundo uma hipótese que está a ser analisada pelos responsáveis do conselho de administração dos hospitais de Portalegre, de Elvas e daquela cidade espanhola. A concretizar-se a intenção, admite-se o encerramento da maternidade de Elvas.

O presidente do conselho de administração dos hospitais de Portalegre e de Elvas, Luís Ribeiro, sublinhou à Lusa que se trata de "uma hipótese que está a ser estudada, entre várias opções". Luís Ribeiro confirmou que existem já contactos com responsáveis do Hospital Infanta Cristina, de Badajoz, e que, a confirmar-se esta possibilidade, a Maternidade Mariana Martins, em Elvas, encerrará as suas portas.

"Não se tira nada à população sem lhes dar algo em troca e o que se pretende oferecer é um serviço melhor e com mais qualidade, onde os bebés nasçam bem do ponto de vista técnico, e a hipótese de Badajoz favorece as mulheres da região", sustentou o responsável.

Actualmente, as mulheres do concelho de Elvas e das regiões limítrofes da raia têm habitualmente os filhos na maternidade de Elvas. No entanto, nos últimos tempos tem aumentado também o número de mulheres da região de Elvas que optam por dar à luz em Badajoz, recorrendo sobretudo a clínicas privadas, através de seguros de saúde.

Para Luís Ribeiro, as mulheres portuguesas do interior "têm o direito a fazer os partos em condições idênticas às de Lisboa", considerando indiferente se um bebé nasce em Elvas ou Badajoz. "Se for filho de portugueses, a criança é portuguesa", argumentou.

Luís Ribeiro sublinha que, para já, "nada está ainda resolvido", sendo a decisão final da competência do Ministério da Saúde, através da Administração Regional de Saúde do Alentejo. Para a concretização da medida, será também necessário um acordo entre os ministérios da Saúde de Portugal e de Espanha.

Com doze médicos obstetras, as maternidades dos hospitais de Portalegre e Elvas registam anualmente cerca de 700 partos, uma média de 60 por mês.

No passado dia 5 de Dezembro, o "Jornal de Notícias" avançou que a Direcção-Geral de Saúde, alegando a falta de recursos humanos para o encerramento de maternidades, tinha já elaborado uma lista das primeiras seis urgências de obstetrícia a fechar. Entre elas estava a de Elvas, que realiza menos de 200 partos por ano.

Na altura, o presidente da Câmara de Elvas, Rondão Almeida, assegurou que a maternidade da cidade não iria fechar.

Artigo do jornal Publico.pt
 

Independência em perigo editou às 19:44
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

pesquisar

 

Arquivos Recentes

Depois do Allgarve... esp...

Opiniões...

Palavras bem actuais...

Dá gosto viver em Portuga...

Mau serviço a Portugal

Incrível! Inqualificável!

SÓCRATES E OLIVENÇA

O estado da Nação

É sempre bom lembrar...

Só se os portugueses quis...

Arquivos

Junho 2008

Maio 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Novembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Nossos grupos


Olivença é Portuguesa (msn)
Por Olivença (Orkut)
Por Olivença (Gazzag)
Viver Livremente (Yahoo)
Liberdade Cristã (Yahoo)
Liberdade Cristã (Gazzag)
Liberdade Cristã (Orkut)

Nossos sites


Nossos sites & Blogs
Miguel & Sylvia
Homepage de Miguel Roque
Orgulho de ser Alentejano
Liberdade cristã

Nossos Blogues


Tuga & Zuca
Filhos & Netos
Caminho de Fé
Busca primeiro o Reino
Liberdade Cristã (blog)
Viver Livremente
Alentejano de alma e coração
Alentejo Abandonado
Meu Alentejo amado
Sonho Alentejano
Povo Lusitano
Amizade, Portuga-Galiza
Aqui fala-se português
Península Ibérica
Península Ibérica-ZipNet
Republica, sim…
Independência em perigo
EU, acredito em Portugal
Portugal Ressuscitado
A Bandeira Vermelha
Bandiera Rossa
A voz do proletário
Olivença é Portuguesa
Jornal de Olivença
No meio do inimigo
Sylvinha em Portugal
Sub-blog do tapete
Vira útil
Chiquinha e nós

Defendendo Olivença


Em defesa do português Oliventino

Olivença back to Portugal

Estou no...






Estou no Blog.com.pt

E você, blogaqui?
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags